Entrevistas e Depoimentos

Entrevista com José Geraldo de Freitas Drumond

José Geraldo de Freitas Drumond fala do seu novo livro “O Segredo Profissional do Médico - Aspectos Éticos, Legais e Jurisprudenciais”.

Com vasta obra publicada, o médico e professor José Geraldo de Freitas Drumond, em coautoria com o Professor Fernando Verdú Pascual e sua filha, Letícia Drumond, Juíza de Direito, lançará em breve, com chancela da Editora Unimontes, a sua mais recente obra com o título “Segredo Profissional do Médico – Aspetos Éticos, legais e jurisprudenciais”. Nesta obra os autores nos convidam a enveredar pelo mundo deontologico da medicina, nomeadamente no que concerne às questões do segredo profissional.

José Geraldo de Freitas Drumond, ex-Reitor da Universidade Estadual de Montes Claros, é Professor Titular de Medicina Legal, Bioética e Ética Médica, Doutor em Ciências do Desporto, Especialista em Direito Médico e Membro Titular das Academias Internacional e Nacional de Medicina Legal e Mineira de Medicina. 


Confira a pequena conversa que tivemos com o autor:


Editora Unimontes - Como surgiu a ideia de lançar um livro que toca num tema tão complexo e, porque não dizê-lo, polêmico?

Autor -Exatamente por ser um tema bastante polêmico e que sempre mereceu a atenção dos profissionais médicos, desde o surgimento da medicina ocidental, pelas mãos de Hipócrates que no seu célebre e já lendário Juramento afirma: "Calarei a tudo quanto veja ou ouça, dentro ou fora de minha atuação profissional, que se refira à intimidade humana e que não deva ser divulgado, convencido de que tais coisas devam ser mantidas em segredo". As mudanças da sociedade e os avanços da ciência médica, incluindo a tecnologia, fazendo com que, a cada dia, maior é o número de pessoas distintas, além de médicos e profissionais de saúde, que travam contato com o paciente e têm acesso a informações privilegiadas, fizeram com que se discuta cada vez mais os princípios do segredo profissional médico, os direitos do paciente, do médico e da sociedade.

 

Editora Unimontes - Pode-se dizer que este livro orienta o médico no que concerne à sua atuação dentro dos limites do segredo médico?

Autor - Um dos objetivos do livro é exatamente este: orientar o médico nos dilemas da prática profissional do dia a dia, em relação aos princípios éticos fundamentais, não se esquecendo dos aspectos legais que envolvem toda relação profissional.

Editora Unimontes - Como foi a experiência de escrever um livro a três mãos?

Autor - Excelente, porque pessoalmente já tenho uma relação bem próxima ao primeiro autor, Professor Fernando Verdú Pascual, Titular de Medicina Legal da Universidade de Valência, na Espanha e com ele sou coautor de alguns livros, além de tradutor de suas interessantes e importantes obras na área de Medicina Legal e Ética Médica. Com a terceira coautora, Letícia Drumond, Juíza de Direito, minha filha, tivemos a oportunidade de assinalar a legislação brasileira e a jurisprudência pátria sobre o assunto, não só adensando mas, também, enriquecendo ainda mais a obra. 
Esta obra tem um formato leve e não se pretendeu esgotar o tema, que é vasto, mas tão somente servir de orientação para os profissionais médicos, principalmente os mais jovens e iniciantes que, lamentavelmente, não tiveram a oportunidade de discutí-lo em seus cursos de graduação, nem mesmo de pós-graduação, haja vista a densidade de queixas e processos que são levados a efeito nas várias instâncias de julgamento profissional.

Editora Unimontes - O Senhor foi um dos precursores da Editora Unimontes. Ela foi criada enquanto esteve reitor da universidade e sempre lhe deu prioridade na publicação dos seus livros. Como avaliaria a importância da Editora, quer nas suas obras quer num contexto geral?

Autor -A criação da Editora Unimontes teve como fulcro viabilizar um instrumento de divulgação da produção científica e cultural da UNIMONTES, abrindo-se uma oportunidade ampla à comunidade científica para a divulgação de suas teses e pesquisas, enfim de seu pensamento, além de fomentar o desenvolvimento da arte de escrever cientificamente e culturalmente. Logo no primeiro ano foi criada a revista Unimontes Científica que teve o condão de divulgar artigos científicos produzidos pelos diversos departamentos. Iniciamos, ainda, com a colaboração de professores de outras universidades brasileiras, a publicação de livros técnico-científicos para amenizar a dificuldade de acesso a temas extracurriculares e mesmo a discussões temáticas e polêmicas para o enriquecimento da formação universitária. Hoje, a Editora Unimontes pode-se orgulhar, décadas passadas de sua criação, possuir um portfólio de produtos intelectuais importante, um Conselho Editorial de âmbito internacional e a consolidação de um selo de divulgação técnico-científico e cultural. Tive a honra de ter algumas de minhas publicações veiculadas pela editora e espero seguir publicando temas que julgo importante para consolidar o pensamento universitário, seguindo os parâmetros estabelecidos pelo Conselho Editorial.